Conversa com a Escritora

13 setembro, 2017Flávia Frota

Conversa com a Escritora

Conversa com a Escritora

Hoje vou contar um pouco sobre uma experiência que há muito tempo eu sonhava em realizar!

Connexus

Estive no Colégio Connexus e conversei com quatro turmas – sendo duas de 8º. ano e duas de 9º. ano – do Ensino Fundamental. Nosso encontro aconteceu na biblioteca da escola e foi dividido em duas apresentações, uma final da manhã e outra no início da tarde.

Escritora e Blogueira

Falei sobre a importância da leitura e os desafios de ser escritora e blogueira. Contei a eles que sempre gostei ler e escrever. Expliquei que o alimento da escrita é a prática e a leitura.

Objetivo

Meu objetivo com o blog é difundir o amor pela leitura e as vantagens que ela traz, e foi assim que me tornei escritora. Além dos meus textos, indico bons livros, leituras de qualidade e escritores consagrados.

Educadora

Como professora de formação, mesmo não exercendo o papel de educadora no momento, o amor pelo magistério continua pulsando nas veias.

Flexibilidade

Preparei minha apresentação com o maior amor. E logo lembrei que uma das características principais do plano de aula é a flexibilidade. Deixei a programação bem democrática, para que o bate papo pudesse fluir de acordo com o anseio dos alunos.

Esperança

Nada melhor que o frescor juvenil, o sorriso cheio de esperança e a curiosidade que emana daqueles olhinhos radiantes. A euforia deles me encheu de energia e vontade de compartilhar minha rotina de trabalho.

Tia Flávia

Naquele dia, junto com eles, lá estava a Tia Flávia, eufórica, feliz da vida, radiante com seus aluninhos. Quando se fala de estudantes é sempre assim, a gente tem muito mais o que aprender do que ensinar. E na Conversa com a Escritora não foi diferente.

Thiago de Mello

Expliquei que atendi ao apelo de Thiago de Mello na Bienal do Livro Amazonas [2012]. O poeta da floresta pediu para conquistarmos novos leitores e que isso deve ser feito principalmente entre crianças e jovens, porque é muito mais difícil formar um leitor adulto.

Leitura, Escrita e Empreendedorismo

Aqueles adolescentes, além de inteligentes e participativos, contaram que gostam de ler e também de escrever. Falaram sobre suas dificuldades para se dedicarem mais à leitura e praticarem melhor a escrita.

Mostrei para eles a Antologia de Poesia Brasileira Contemporânea “Além da Terra, Além do Céu”, que traz o meu poema “Mergulho de Amor”. Contei que em breve o meu primeiro livro será publicado por esta mesma editora, a portuguesa Chiado.

Apresentei um pouco dos quase seis anos de produção textual para o blog, o trabalho nas redes sociais e as etapas de produção do meu livro. Expliquei como transformei minhas frases virtuais no produto físico Moldura Pensante.

Curiosidades

Eles quiseram saber mais. Perguntaram sobre o meu canal no YouTube, como se dá a inspiração e quais os maiores desafios de um escritor. Falamos sobre obras clássicas, literatura brasileira e até sobre os livros dos youtbers.

Biblioteca

Entre o intervalo da palestra da manhã e a da tarde, ainda fui agraciada com mais uma experiência enriquecedora e cheia de afeto.

As crianças menores, que estavam saindo do turno da manhã ou entrando para o turno da tarde, ocupavam a biblioteca de maneira lúdica e bem à vontade.

Autógrafos

Elas me encheram de carinho e perguntas. Gostaram tanto dos marcadores de livro do blog – levei para dar de brinde – que me pediram para autografá-los.

Espaço Lúdico

O que mais me seduziu foi o fato da biblioteca ser um ambiente de fácil acesso, atrativo e acolhedor. No horário de brincar no pátio, muitas crianças vão espontaneamente se divertir com livros, escolher, ler e levar literatura para casa. A bibliotecária Dominick tem um trato todo especial com elas!

Deu para perceber que este trabalho vem de longos anos, é algo que faz parte da essência da instituição de ensino, e que estes valores já foram legitimados pelos estudantes.

Educação que liberta

Enquanto alguns colégios estão preocupados apenas em transmitir conteúdo, fico feliz quando vejo uma escola assim: plural, democrática e humana. Que se dedica a formar cidadãos capacitados, criativos e talentosos.

Afinal de contas, é lendo o mundo que os alunos vão saber escrever o futuro que escolherem!

.

*A Conversa com a Escritora foi no dia 1 de setembro de 2017

.

Posts relacionados que você também vai gostar de ler:

Clarissa e Carolina
De Volta à Liberdade de Menina

.

Aguardo você nas redes sociais. Curta, comente e compartilhe sem moderação. Obrigada!

Facebook: Flávia Frota
Instagram: FlaviaFrotaC
Twitter: FlaviaFrotaC
YouTube: Flávia Frota
www.FlaviaFrota.com